segunda-feira, 23 de novembro de 2009

GOVERNADOR CASSOU DESEMBARGADORES E JUÍZES DE DIREITO

No dia 18 de fevereiro de 1892 assume o executivo do Ceará o então vice-presidente (na época não se chamava governador), Liberato Barroso, cujo nome foi emprestado para batizar o nome de uma avenida em Fortaleza-CE.

Seu governo foi marcado por muita perseguição e autoritarismo.

Como a época era propícia para se dominar o legislativo e o judiciário sem muito trabalho, Liberato Barroso simplesmente cassou, por caprichos pessoias, 4 desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (na época se chamava Tribunal de Apelação) e 12 juízes de Direito do interior do mesmo Estado.

Além do mais demitiu e transferiu muitos funcionários públicos, por simples perseguição política.

Se isso não fosse pouco, ainda dissolveu o Congresso cearense e revogou a constituição estadual.

Foi por esse desvio que entrou no cenário político cearense o nada saudoso Nogueira Accioly.

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário